quarta-feira, 20 de abril de 2011

Um outro assunto humano


Já roí as minhas unhas, já balancei os pés impacientemente, já dei sinais de ansiedade. Quem é que já não se sentiu ansioso em ganhar a vida? Há quem ganhe a vida honestamente e há quem seja desonesto para ganhar a vida. Este é o nosso mundo, onde quem pouco tem, fica ainda mais lesado com aqueles que muito tem.
Certa vez, um mendigo chamado Ninguém encontrou com um homem rico, que o perguntou:
-Que andas procurando?
-Muitas coisas que não consigo encontrar, mas mesmo assim continuo procurando!
-Qual o teu nome? – perguntou Ninguém;
-Meu nome é Todo Mundo, e ocupo meu tempo buscando dinheiro, e você?
-Meu nome é Ninguém, eu, no entanto, busco Consciência.
Ouvindo à distância, o filósofo pediu para seu ajudante anotar:
-Esta é boa! Tome nota “Ninguém busca consciência e Todo Mundo busca dinheiro”.
-E o que mais buscas? –perguntou de novo Ninguém;
-Busco honra e fama, e você? –perguntou Todo Mundo;
-Eu busco apenas a virtude!
Então o filósofo pediu de novo para o ajudante:
-Anote aí; “Todo Mundo busca honra e fama e Ninguém busca a virtude”.
-Você não busca outra coisa maior que isto? – insistiu Ninguém.
-Busco quem me elogie tudo aquilo que eu fizer – disse Todo Mundo – e você?
-Eu apenas busco alguém que me repreenda sempre que eu cometer um erro – concluiu Ninguém.
Finalmente o filósofo pediu ao ajudante:
-Tome nota aí “Todo mundo quer ser elogiado, mas Ninguém quer ser repreendido”.
Um dos erros mais comuns da humanidade é estabelecer a relação do “Possuir” e o “Desfrutar”. Contudo, ao contrário do que todos pensam, Possuir não tem ligação com desfrutar. Acreditamos que devemos possuir para poder desfrutar e no fundo, não tem que ser assim. São dois conceitos independentes. Quando se possui, cria-se um obstáculo para a plena realização de vida, pois ele não está associado à felicidade. Um bom exemplo são as pessoas compulsivas que sempre querem mais, fazem coleções, correm atrás de coisas de interesses pessoais a fim de adquirir mais e mais, ansiosas por novidades, aumentando sua coleção. E isso vale até mesmo nas questões afetivas, onde cultivam uma relação amorosa na base da posse em detrimento de uma relação amorosa e desapegada. São os colecionadores, compradores compulsivos, pessoas que apenas adquirem, mas nunca apreciam e gozam daquilo que já tem. Afinal, Todo Mundo quer possuir coisas, mas Ninguém quer desfrutar daquilo que já possui.
Talvez nem tudo na vida seja realmente rosas e nem tudo na vida seja realmente lírios e sorrisos. Mas é de se saber que na vida as pessoas só vêem o que elas querem ver. Quem sabe, se nós não buscarmos um pouco de reflexão interior sobre o que somos, o que realmente queremos e o que esperamos de nós mesmos, a vida não ganha cores?

Do livro "Assuntos Humanos", Paulo Fabiano, cap 92.

4 comentários:

  1. É isso aí Weslei. Excelente postagem. As pessoas precisam estar muito seguras daquilo que querem de fato. Nessa vida são muitos os caminhos tortuosos que levam ao nada. Precisamos saber escolher bem e pra isso o melhor é saber realmente que futuro queremos para a nossa vida. Não tão difícil assim.

    Parabéns pela escolha do texto.

    Lenira

    ResponderExcluir
  2. Belo texto! Parabéns!
    Passarei sempre por aqui, meninos!
    Bjo e filosofia da boa pra vocês.

    ResponderExcluir
  3. VejaBlog
    Seleção dos Melhores Blogs/Sites do Brasil!
    http://www.vejablog.com.br

    Parabéns pelo seu Blog!!!
    [Filosofia do Século XXI]

    Você está fazendo parte da maior e melhor
    seleção de Blogs/Sites do País!!!
    - Só Sites e Blogs Premiados -
    Selecionado pela nossa equipe, você está agora entre
    os melhores e mais prestigiados Blogs/Sites do Brasil!

    O seu link encontra-se no item: Blog

    http://www.vejablog.com.br/blog

    - Os links encontram-se rigorosamente
    em ordem alfabética -

    Pegue nosso selo em:
    http://www.vejablog.com.br/selo

    Um forte abraço,
    Dário Dutra

    http://www.vejablog.com.br
    ....................................................................

    ResponderExcluir
  4. Lourival Demuner28 de maio de 2011 14:39

    Muito interessante o blog. Vocês estão de Parabéns! Os textos e os videos são excelentes, e o blog se torna uma maneira diferente de estudar e refletir sobre a Disciplina de Filosofia que muitos jovens a consideram chata, o que não é Verdade. Valeu . Continuem dando essa a importante colaboração para desmistificar isso.

    ResponderExcluir